Conheça os escolhidos para os cargos de Diretor-Presidente e Diretor de Seguridade da Capital Prev

Após análise curricular e da documentação apresentada pelos candidatos aptos no processo seletivo para escolha de diretores da Capital Prev, assim como as devidas discussões — tendo como fatores determinantes a legislação e os critérios estabelecidos no Edital 01/2024 (de 3 de janeiro de 2024), no Estatuto e no Regimento Interno da Fundação —, o Conselho Deliberativo torna público que decidiu,

Rentabilidade anual dos planos de benefícios em Dezembro de 2023

Em dezembro, os planos de benefícios previdenciários administrados pela Capital Prev tiveram resultados positivos, superando as suas respectivas metas atuariais:
• Plano BD = 2,13%, acima da meta de 1,02%;
• Plano II = 1,00%, frente a meta de 0,90%.

Os números colaboraram para que, no acumulado do ano,

Conheça os candidatos aptos para as próximas fases do processo seletivo para a Diretoria Executiva da Capital Prev

O Conselho Deliberativo da Capital Prev, em conformidade com a data estabelecida no cronograma para execução do processo seletivo para a escolha de diretores da Fundação, torna público que os candidatos abaixo relacionados (em ordem alfabética) estão aptos para as próximas fases da seleção:

Diretor-Presidente:
Luiz Carlos Cotta

Diretor(a) de Seguridade:
Aline Fardim Borelli
André Costa da Vitória
Nery Martins de Morais Neto

A divulgação dos candidatos selecionados pelo Conselho Deliberativo para os cargos de Diretor-Presidente e Diretor de Seguridade ocorrerá no dia 01/02/2024.

Nova lei permite flexibilização da escolha pelo regime de tributação na previdência complementar para os participantes do Plano II

No dia 11 de janeiro, a Lei nº 14.803/2024 foi publicada no Diário Oficial da União e trouxe uma significativa mudança para os participantes dos planos de previdência complementar na modalidade de Contribuição Variável (CV) e Contribuição Definida (CD). Agora, será possível escolher o regime de tributação até o momento da obtenção do benefício ou da requisição do primeiro resgate dos valores acumulados.

Políticas de Investimentos dos planos da Capital Prev são atualizadas para 2024

Conforme exigido pela legislação vigente, a Capital Prev realizou atualizações em suas Políticas de Investimentos.

A normativa determina que os fundos de pensão estabeleçam uma Política de Investimentos para cada exercício e plano, detalhando percentuais de alocação e estabelecendo diretrizes para controle, avaliação e monitoramento de riscos, bem como os ativos autorizados na composição das carteiras.

Beneficiários do Plano VIVA+ agora podem contar com uma rede referenciada sem cobrança de coparticipação

Em mais uma iniciativa para garantir a excelência nos atendimentos especializados, a Capital Prev fez uma criteriosa seleção entre os profissionais que tem demonstrado os melhores desfechos nos tratamentos e atendido um maior número de beneficiários do Plano VIVA+ para criar uma rede referenciada.

O beneficiário que for atendido na rede referenciada não terá cobrança de coparticipação,

Capital Prev abre seleção para membros da Diretoria Executiva — saiba como se candidatar

Participantes e assistidos da Capital Prev poderão se inscrever, no período de 05 a 19 de janeiro, no processo seletivo que irá definir os novos membros da Diretoria Executiva da Fundação, em função da proximidade do término do mandato dos atuais diretores. Serão duas as vagas disponíveis: a de Diretor-Presidente e a de Diretor de Seguridade,

Rentabilidade anual dos planos de benefícios em Novembro de 2023

O resultado positivo de novembro foi surpreendente. Dados da economia norte-americana vieram mais baixos (inflação e emprego), aliados ao discurso mais brando do Banco Central dos Estados Unidos, o que levou o mercado a antecipar a precificação de cortes de juros. Com isso observou-se redução da taxa dos títulos do tesouro americano e aumento no índice da bolsa.

Rentabilidade anual dos planos de benefícios em Outubro de 2023

Outubro foi muito volátil e marcado pelas tensões geopolíticas do confronte entre Israel e Hamas. A alta dos títulos do tesouro americanos impactou novamente os títulos públicos brasileiros, que subiram. No Brasil a questão fiscal também trouxe grande volatilidade, com a possibilidade de o governo não buscar o objetivo de déficit zero em 2024.